Tumblr Mouse Cursors
Eu quero ser lembrada com voce.
Eu quero ser lembrada com voce.
Home Pedacinhos de Mim ask-me Facebook check back often
Quero ser lembrada em horários malucos, todos os horários, pra sempre.
theme| ++ *
v
next »

1 day ago · 916 notes · reblog
originally conspirada · via complico-u
“Tem gente que é só passar pela gente que a gente fica contente. Tem gente que sente o que a gente sente e passa isto docemente. Tem gente que vive como a gente vive, tem gente que fala e nos olha na face, tem gente que cala e nos faz olhar. Toda essa gente que convive com a gente, leva da gente o que a gente teme passa a ser gente dentro da gente. Um pedaço da gente em outro alguém.”
Fernando Sabino 

5 days ago · 51 notes · reblog
originally quoteiros · via quoteiros

“Não é saudade, porque para mim a vida é dinâmica e nunca lamento o que se perdeu - mas é sem dúvida uma sensação muito clara de que a vida escorre talvez rápida demais e, a cada momento tudo se perde.”
Caio Fernando Abreu

5 days ago · 101 notes · reblog
originally quoteiros · via quoteiros
“Grudada na parede frontal da minha memória tem uma fotografia daquele seu conhecido sorriso de chegada.”
Gabito Nunes. 

5 days ago · 3,066 notes · reblog
originally ga-bi-to · via latejado
“O importante não são quantas pessoas telefonam pra você, nem com quem você saiu ou está saindo. também não importa que você nunca namorou. O importante não é quem você beijou. Na vida, não é importante se você é aceito ou não pelos outros. O importante na vida é quem você ama e quem você fere. É como você se sente em relação a você mesmo. É confiança, felicidade e compaixão. é ficar do lado dos amigos e trocar o ódio por amor. O importante na vida é evitar a inveja, não querer o mal dos outros, superar a ignorância e construir a confiança. é o que você diz, e o significado de suas palavras. É gostar das pessoas pelo o que elas são e não pelo que tem. Isso é importante.”
Caio Fernando Abreu  (via reinverbos)

“Confesso que foi bom, me fez feliz, me fez sorrir, mas acabou. O prazo de validade venceu, a bondade acabou e a idiotice desapareceu. Quem ontem esperava um pedido de desculpas, hoje espera nem ver seu rosto. Foi bom, mas passou, acabou, e às vezes assim que deve ser.”
Desconhecido.  (via sacies)

6 days ago · 124,263 notes · reblog
originally retratou · via sacies
“Ninguém ama outra pessoa pelas qualidades que ela tem, caso contrário os honestos, simpáticos e não fumantes teriam uma fila de pretendentes batendo a porta. O amor não é chegado a fazer contas, não obedece à razão. O verdadeiro amor acontece por empatia, por magnetismo, por conjunção estelar.”
Crônica do Amor.   (via sacies)

6 days ago · 12,766 notes · reblog
originally subtraido · via sacies
“‎E foi tão bom constatar que não me atinge mais. Não me entristece, não me aborrece, não me tira o sono. Passa por mim. Mas, não me atravessa. Foi-se o tempo.”
Tati Bernardi.     

1 week ago · 4,739 notes · reblog
originally stigmatisation · via 0-ut
“Eu amo os milhares de sorrisos que você tem, e toda paz que eles transmitem ao meu coração. Eu amo tuas risadas, tuas piadas sem graça e tuas tentativas de me tirar do sério. Eu amo a tua cara enciumado, o bico que você faz quando fica emburrado ou pedindo beijo. Eu amo quando você pára e fica me olhando em silêncio, e quando você me deita sobre teu peito e me faz carinho. Quando você entrelaça tuas mãos nas minhas e segura forte como quem não quer soltar. E sei que não vai… Eu amo quando te vejo chegando no portão para me buscar. E o teu abraço apertado, que encaixa os nossos corações como duas peças de um quebra-cabeça. Eu amo acordar com o teu “bom dia” e “eu te amo”. Eu amo chegar no final do dia e receber um telefonema seu, e passar horas contando como foi o dia um do outro, dividindo histórias e segredos. Eu amo quando você concorda quando eu digo que somos melhores juntos. E amo ouvir de você planos e sonhos de uma vida à dois. Eu amo ser tua. E amo te sentir meu. Te saber meu. Cada parte de você. Tudo em você… Eu amo. Eu te amo. Para sempre.”
Eu te amo, Caio Fernando Abreu.